Bem-vindo à Casa Repouso Rio Tejo

O envelhecimento é um fenómeno complexo que implica modificações de natureza diversa, nomeadamente ao nível biológico, social e psicológico. 

Entender este fenómeno é compreender de forma abrangente os aspectos individuais e colectivos da vida que vão desde os factores genéricos (biológicos, físicos e nutricionais) aos factores psicológicos, sociológicos, económicos e ambientais.

Para envelhecer com qualidade é necessário muito mais do que o simples acesso a bens materiais de qualidade. Actualmente qualidade de vida significa bem-estar, e este relaciona-se com dimensões que estão para alem dos bens materiais como: sentido de segurança; dignidade pessoal; oportunidades de atingir objectivos pessoais; satisfação com a vida; sentido positivo em si.

Deste modo, é necessário que existam actividades ocupacionais direccionadas e adequadas às reais necessidades do idoso.

É neste sentido que surge a Casa de Repouso Rio Tejo. 

O estabelecimento é detentor do Alvará n.º 12/2011 de 26 de Abril de 2006, de acordo com o Decreto Lei 133-A/97 de 30 de Maio e o Despacho Normativo 12/98 de 25 de Fevereiro e passado pelo Centro Distrital de Solidariedade e Segurança Social de Lisboa.